A AAANO

Você conhece a AAANO?

A AAANO (Associação Amigos dos Animais de Nova Odessa), declarada como ‘Utilidade Pública’ pelo município e pelo estado, começou há mais de +23 anos atrás, com um grupo de protetores que se instalou em um terreno do estado, para cuidar de animais abandonados e sem condições de sobrevivência nas ruas.

 


A partir disso, foi crescendo cada vez mais, pois o número de abandonados só se multiplicava. Nosso trabalho vai desde os cuidados do animal, que recebem tratamento no abrigo até ficarem saudáveis e castrados, para serem levados em nossas feirinhas de adoção, realizadas todos os sábados na praça central da cidade.

Juntamente a isso, existe nosso trabalho de conscientização para a população, sobre as leis contra maus tratos e abandono, a importância da posse responsável e da castração.

Hoje estamos com cerca de 600 animais, entre eles cachorros e gatos. Nossa maior dificuldade, é que mesmo com toda essa quantidade de animais, não conseguimos manter funcionários pela falta de recursos, e temos poucos voluntários que dificilmente aparecem no abrigo para ajudar. Mesmo com a ajuda que a prefeitura nos repassa todo mês para a compra de ração, ainda falta uma enorme quantia para pagarmos medicação, veterinários, produtos de limpeza e estrutura. Por isso fazemos vários eventos, venda em geral de camisetas, panetones, cestas de chocolate e rifas ao longo do ano, para arrecadarmos mais recursos para conseguirmos continuar com nosso trabalho diário.

Caso queira conhecer melhor nosso trabalho e nosso abrigo, aqui tem um vídeo feito de 2016, em forma de agradecimento.

Missão

Dar conforto, tratamento e qualidade de vida aos animais resgatados, para que possam ganhar novos lares de forma responsável.

Visão

Ser organização reconhecida por evitar a superpopulação de animais abandonados, através da conscientização diária das pessoas, sobre a posse responsável e a importância da castração.

Utilidade Pública

Declarada como Utilidade Pública pelo município, através da Lei Municipal 1.621/98.
Declarada como Utilidade Pública pelo estado, através da Lei Estadual 16.436/17